Filme: Os Instrumentos Mortais – Cidade de Ossos

Esse final de semana eu decidi que depois de um tempão, iria ao cinema. Meu plano era ver Bling Ring, por que adoro a Taissa Farmiga e a Emma Watson. Mas chegando lá, mudei de ideia e assisti Os Instrumentos Mortais – Cidade de Ossos, e gente, amei demais, sério. Acho que inicialmente o filme não teve uma campanha muito bacana, mas depois que lançaram eu ouvi falar dele por toda parte, rádio, TV, internet, todos os meios. Instrumentos-Mortais-Cartaz-08Jul2013

“Um mundo oculto está prestes a ser revelado… Quando Clary Fray (Lily Collins) decide ir a uma boate em Nova York se divertir, nunca poderia imaginar que testemunharia um assassinato – muito menos um assassinato cometido por três adolescentes cobertos por tatuagens enigmáticas e brandindo armas bizarras. Clary sabe que deve chamar a polícia, mas é difícil explicar um assassinato quando o corpo desaparece e os assassinos são invisíveis para todos, menos para ela.
Tão surpresa quanto assustada, Clary aceita ouvir o que os jovens têm a dizer… Uma tribo de guerreiros secreta dedicada a libertar a terra de demônios, os Caçadores das Sombras têm uma missão em nosso mundo, e Clary pode já estar mais envolvida na história do que gostaria.”

Então lá estava eu, achando que esse filme ia ser tipo whatever. Errei, errei feio, errei rude. A última resenha sobre uma adaptação que eu fiz foi a de Great Gatsby, mas eu tinha o livro como parâmetro, por isso gostei muito pouco. Dessa vez eu fui pra saber no que ia dar, sem ideia nenhuma do que esperar, porque nunca havia me interessado em ler os livros. Esse negócio de não ter expectativas pode ser muito bom, pode te surpreender.
Eu gostei muito dos filmes que a Lily Collins fez (com exceção de Espelho, Espelho Meu, por que apesar de um figurino legal, o filme foi chato), mas ela me surpreendeu com Os Instrumentos Mortais, tanto que eu saí do cinema em choque. Fora que eu achei incrível ela fazer par com o Jamie Campbell, ele me passou uma impressão muito melhor do que na Saga Crepúsculo e Harry Potter, cheguei a achar ele fofo.
Fiquei presa na cadeira até o final do filme, com vontade de saber que fim aquela história ia levar. Dá um pouco de medo no começo, mas é um terror divertido.

A Demi Lovato fez uma participação na trilha sonora, eu até gostei da música. 

Então, eu super recomendo que quem gosta do gênero vá assistir, e quem não gosta também, por que é muito legal.  Quem viu, me conta o que achou, e quem tem os livros pode me dar spoilers! To louca pra saber o que vai acontecer. Beijo pessoal!

Percy Jackson e o Mar de Monstros

Eai pessoal, to de volta pra alegria de todos hahahah. Eu poderia postar sobre qualquer coisa, porém, como um fã completamente louco de Percy Jackson aqui estou eu pra falar um pouquinho dos livros e do segundo filme da saga que será lançado logo logo.
Pra quem ainda não leu, por favor, vocês não sabem o que estão perdendo, a sequência respectivamente:”O ladrão de raios”, “O mar de monstros”, “A maldição do titã”, “A batalha do labirinto”, e finalmente “O último olimpiano”, é uma das melhores sagas que eu já li, sem dúvidas.pj

Agora falando do filme, O mar de monstros que será lançado no dia 16 de agosto, eu espero de verdade que seja melhor que o primeiro, não que tenha sido um completo desastre, mas o filme ficou devendo e muito comparado com o livro, porém ficamos ai na expectativa, olhem o trailer e tirem suas próprias conclusões.
Percy-Jackson-e-o-Mar-de-Monstros-poster-11Mai2013

Estou muito ansioso pra ver novamente Percy (Logan Lerman) e Annabeth Chase (Alexandra Daddario) juntos, e vocês?nome rapha

Férias: Filmes

E ai pessoal, to de volta!! nesses dias de frio nada mais gostoso que ficar em casa vendo um filme ou mesmo ir no cinema pra comer aquela pipoca que só tem lá e ver uns filmes novos né? Pois então, eu trouxe uma lista com alguns filmes que você que é fã de cinema, e você que não é, não podem deixar de assistir.

O Cavaleiro SolitárioColby, Texas, 1869. John Reid (Armie Hammer) é um advogado que acaba de retornar à sua cidade-natal, onde vive seu irmão Dan (James Badge Dale), a cunhada Rebecca (Ruth Wilson) e o sobrinho Danny (Bryant Prince). John está disposto a cumprir a justiça ao pé da letra, levando os criminosos ao tribunal, apesar da resistência local. Ao acompanhar o irmão e outros Texas Rangers em uma patrulha pelo deserto, o grupo é atacado pelos capangas de Butch Cavendish (William Fichtner), um bandido que tem a fama de comer carne humana. Todos são assassinados, com exceção de John, que fica à beira da morte. O índio Tonto (Johnny Depp) o encontra e, ao perceber que um cavalo branco escolhe John, passa a ajudá-lo. Tonto acredita que John foi escolhido por um mensageiro espiritual e que, como voltou da morte, não pode mais ser morto. A partir de então John passa a usar uma máscara e, ao lado de Tonto, faz de tudo para reencontrar Cavendish.

Esse tem johnny depp e não podia sair da lista hahaha, além do cara mandar muito a história parece ser realmente boa.

O Homem de AçoasadNascido em Krypton, o pequeno Kal-El viveu pouco tempo em seu planeta natal. Percebendo que o planeta estava prestes a entrar em colapso, seu pai (Russell Crowe) o envia ainda bebê em uma nave espacial, rumo ao planeta Terra, e levando com ele importantes informações de seu povo. Contrariado com tal atitude, o General Zod (Michael Shannon) tenta impedir a iniciativa e acaba preso. Já em seu novo lar, a criança foi criada por Jonathan (Kevin Costner) e Martha Kent (Diane Lane), que passaram a chamá-lo de Clark. O tempo passa, seus poderes vão aparecendo e se tornando, de certa forma, um problema, porque isso evidencia que ele não é um ser humano. Já adulto, Clark (Henry Cavill) se vê obrigado a buscar um certo isolamento porque não consegue resistir aos salvamentos das pessoas e sempre precisa sumir do mapa para não criar problemas para seus pais. Mas o terrível Zod conseguiu se libertar e descobriu seu paradeiro. Agora, a humanidade corre perigo e talvez tenha chegado a hora das pessoas conhecerem aqueles que passarão a chama de o Super-Homem.

Esse filme mostra o começo da história do tão conhecido Superman, é na verdade uma regravação da história que já foi ao cinema e que todos conhecem, como um fã de Super heróis tanto da Dc comics quanto da Marvel, não podia deixar faltar

Meu Malvado Favorito 2adadGru (voz de Steve Carell/Leandro Hassum) mudou radicalmente sua vida e agora seu negócio é se dedicar as filhotas Agnes, Edith e Margo, deixando de lado os tempos de vilão. Ele só não contava que seu passado de “ladrão da Lua” pudesse falar mais alto e ser responsável pelo seu recrutamento, através da AVL (Liga Anti-Vilões), para salvar o mundo na companhia da adorável agente Lucy (Kristen Wiig/Maria Clara Gueiros). Juntos, eles precisam localizar o criminoso que roubou a fórmula PX41, e Gru desconfia que um antigo “concorrente”, chamado El Macho (Beijamin Bratt/Sidney Magal), possa ser o responsável por essa maldade. Para completar os problemas, o parceiro Dr. Nefário (Russell Brand/Luiz Carlos Persy) resolver abandoná-lo, colocando em risco o bom humor dos hilários Minions. O que será que vai acontecer?

Esse é o filme que as garotas tanto esperavam, e que faz todas dizerem ‘awwwwwwwn’ ao mesmo tempo no cinema, pois aí está, a continuação dessa animação que merece todo o sucesso!

É isso pessoal!, ba na na naaaaa po taaaa toooooô, flw!

Eu assisti: O Grande Gatsby

Apesar de ter bastante afazeres durante a semana, nunca passo um final de semana ser assistir um bom filme, então vou compartilhar com vocês algumas das minhas descobertas cinematográficas e espero que gostem.

Viajar pra Miami durante a época de estréia de um dos filmes mais esperados do ano é muito privilégio pra deixar pra lá, então fui atrás de um cinema pra assistir The Great Gatsby, em inglês e sem 3D, por que me dá dor de cabeça, mas recomendo que quem vá assistir por aqui, assista em 3D, pois as imagens com certeza ficam com um efeito incrível.

O Grande GatsbyGGB_1SHT_MAIN_INTL

Nick Carraway (Tobey Maguire) tinha um grande fascínio por seu vizinho, o misterioso Jay Gatsby (Leonardo DiCaprio). Após ser convidado pelo milionário para uma festa incrível, o relacionamento de ambos torna-se uma forte amizade. Quando Nick descobre que seu amigo tem uma antiga paixão por sua prima Daisy Buchanan (Carey Mulligan), ele resolve reaproximar os dois, esquecendo o fato dela ser casada com seu velho amigo dos tempos de faculdade, o também endinheirado Tom Buchanan (Joel Edgerton). Agora, o conflito está armado e as consequências serão trágicas.

Ok, agora vamos ao o que eu achei disso: o filme é incrível, tem imagens incríveis e atraí a atenção das pessoas principalmente pela trilha sonora. Mas quem leu o livro sente falta de muitas coisas no filme. Eu senti falta de cenas que pra mim eram cruciais, talvez pela simpatia que eu senti por alguns personagens que deveriam ter sido aprofundados. Todos os atores fizeram um trabalho muito bom, mas achei que o Tobey Maguire poderia ter se esforçado mais, me pareceu muito distante do personagem. Quanto aos outros, não consigo imaginar interpretações melhores, com enfase é claro, na de Leo DiCaprio, que fez tudo parecer muito verdadeiro, na minha opinião. E sobre a trilha sonora, eu estou apaixonada! Beyonce, Florence, Lana del Rey, Sia, Jack White, não consigo escolher a minha favorita! O foco da campanha de divulgação do filme foi a trilha sonora, então não poderia estar mais adequada.

Dia 07 de junho O Grande Gatsby estreia por aqui, e eu provavelmente vou assistir de novo, por motivos de: acho que não vou cansar de ver tão cedo. Adoro adaptações de livros para o cinema. Acho que isso é tudo, pessoal!

Beijo, Aline Barizi